Home / CIDADES / BEBÊ MORRE AFOGADO EM PISCINA DE CLUBE EM GOIÂNIA

BEBÊ MORRE AFOGADO EM PISCINA DE CLUBE EM GOIÂNIA

Corpo de Bombeiros tentou reanimar criança por mais de 20 minutos no local e a levou até o Hugol, onde foi constatada a morte; caso ocorreu no Clube dos Advogados Trabalhistas (CAT).
Por Murillo Velasco,

Afogamento ocorreu dentro do Clube dos Advogados Trabalhistas (CAT) (Foto: Guilherme Mendes/TV Anhanguera)
Um bebê de 1 ano e 4 meses de idade morreu afogado, neste domingo (18), na piscina de um clube, em Goiânia. De acordo com o Corpo de Bombeiros, a corporação tentou reanimar a vítima por mais de 20 minutos no local e a levou até o Hospital de Urgências Governador Otávio Lage de Siqueira (Hugol), onde foi constatada a morte.

Segundo o capitão Gustavo de Moura Jorge, um dos bombeiros que participaram da ocorrência, além do bebê, outros quatro adultos estavam no clube. Testemunhas disseram à corporação que, entre eles, estavam o pai e a mãe da vítima.

Uma pessoa viu a criança desacordada, retirou e nos acionou. Minutos depois chegamos ao local e começamos a fazer a reanimação. Outra viatura com médico e enfermeiro chegou, e as equipes começaram a tentar reanima-lo utilizando medicamentos. Sem sucesso, levamos ao Hugol, onde o bebê passou por atendimento por 15 minutos e teve o óbito confirmado”, contou ao G1.

O caso ocorreu por volta da 7h45 deste domingo, no Clube dos Advogados Trabalhistas (CAT), que fica no Setor Recreio São Joaquim, na região sudoeste da capital. Conforme relatou o capitão, a corporação não teve conhecimento se a criança e os pais eram frequentadores do clube, ou se os adultos eram funcionários do local.

“A única coisa que testemunhas nos relataram era de que o pai e a mãe estavam no local”, disse o bombeiro.

A morte do bebê deve ser investigada pela Polícia Civil.

 

Subscribe to our Channel

Featured Video