Home / NOTÍCIAS NACIONAIS / 30 DIAS DE GREVE DOS BANCÁRIOS MARCADOS POR PROTESTOS NA PRAÇA BANDEIRANTE

30 DIAS DE GREVE DOS BANCÁRIOS MARCADOS POR PROTESTOS NA PRAÇA BANDEIRANTE

A greve dos bancários completa 30 (trinta) dias nesta quarta-feira, 5. O movimento reivindicatório mantém fechadas 75% (setenta e cinco) por cento das agências no âmbito do Estado de Goiás e mais de 60% em nível de Brasil, além de vários centros administrativos das instituições financeiras.

Nesta quarta-feira, 5, o Sindicato vai realizar mais um Ato Público de Protesto, desta vez na porta da agência do Banco Santander na Praça do Bandeirante, às 10 horas, e conclama os bancários a comparecerem naquele local, onde serão denunciados à opinião pública a irresponsabilidade dos banqueiros nas mesas de negociações. Eles estão demonstrando que não têm o menor respeito com seus clientes, somente querem os lucros advindos da famigerada cobrança de tarifas e juros abusivos. “Mesmo o segmento financeiro sendo imune a crises econômicas, os bancos insistem numa proposta rebaixada que não repõe sequer a inflação dos últimos 12 meses”, critica Sergio Luiz da Costa, presidente do SEEB-Goiás e membro da Comissão Bancária Nacional de Negociações.
Bancários protestaram na porta do BB

O Sindicato dos Bancários realizou na manhã desta terça-feira, 4, manifestação de protesto na porta da Ag. 1610 do Banco do Brasil (prédio da Super-GO) contra a falta de responsabilidade demonstrada pelos bancos durante a campanha salarial da categoria bancária, o que empurrou a categoria para a greve por tempo indeterminado.

Todos os oradores defenderam a importância de intensificar a paralisação e elogiaram a mobilização e a disposição de luta dos bancários por melhores salários e condições de trabalho. Demonstraram o desrespeito dos bancos nas mesas específicas do BB e da Caixa, que a exemplo da Fenaban nada contribuem para o fim da paralisação. Fizeram um chamamento aos empregados que ocupam gerências médias para não efetivarem transações que resultem em lucros para os bancos, justamente porque os banqueiros não querem dividir o bolo com esses profissionais. Também lembraram que a greve da categoria beneficia toda a sociedade usuária do sistema financeiro, pois lutam pela contratação de mais bancários visando melhorias no atendimento bancário e por fim nas longas e demoradas filas.8

bannc

Leave a Reply

Subscribe to our Channel

Featured Video